Jardim Negro



Sempre existe um lado Obscuro e invisível É de lá que vem Todas as energias Que moram no silêncio das pedras Um jardim repleto De flores coloridas É preciso acreditar No vazio infinito Para contemplar da luz Seguimos acompanhados Dos amuletos Patuás Escapulários Ornamentos de fé Capazes de carregar o Amor E a força do universo Que resistem a erosão Do tempo Assim transformamos e imprimimos no mundo Nossa história

67 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo